Passar para o Conteúdo Principal Top

logo_educa_mais

Educação_4

Projeto Psicomotricidade na Disgrafia

Projeto psicomotricidade na disgrafia3 1 980 800

O trabalho da Psicomotricidade com estes alunos, tentou promover a qualidade da escrita, no que se refere ao traçado e à grafia.

O ato da escrita não é uma tarefa fácil e este gesto necessita de pré-requisitos para ser bem concretizado, por isso, para uma correta execução caligráfica, os alunos deverão ser capazes de encontrar o seu próprio equilíbrio postural e a forma menos tensa e cansativa de segurar o lápis; orientar o espaço sobre o qual tem de escrever, a linha sobre a qual vão colocar as letras (da esquerda para a direita), e associar a imagem da letra ao som e aos gestos rítmicos que lhe correspondem.

As causas mais habituais da disgrafia são causas motoras, no entanto existem outros fatores etiológicos:

  • Causas de tipo maturativo: perturbações da lateralidade; perturbações da eficiência psicomotora. 
  • Causas caracteriais: fatores de personalidade; fatores psicoafectivos.
  • Causas pedagógicas: orientação deficiente do processo de aquisição de destrezas motoras; ensino rígido e inflexível.

A Psicomotricidade na intervenção de crianças com disgrafia é abordada da seguinte forma:

  • Reeducação psicomotora de base aborda: relaxamento global e segmentar; coordenação dinâmica geral; esquema corporal; controlo postural e equilíbrio; lateralidade; organização espácio - temporal.
  • Reeducação psicomotora diferenciada aborda: controlo segmentar; coordenação dinâmica das mãos.
  • Reeducação visuomotora aborda: coordenação óculo - manual.
  • Reeducação do grafismo aborda: reeducação grafo motora preparatória; correção de erros específicos do grafismo (referentes a forma, tamanho, inclinação, espaçamento e ligações).
projeto_psicomotricidade_na_disgrafia_1
projeto_psicomotricidade_na_disgrafia_2